Notícias
Apostas esportivas, picks e cotações para o Brasil
1 de abril de 2017 Leonardo Rangel

Gaúcho

Juventude vs Caxias

Forma Juventude

O Juventude, de fato, não fez uma campanha que viesse a merecer a classificação as quartas de finais, a meu ver, mas como a competitividade foi gigantesca, mesmo tendo uma reta final de fase classificatória desastrosa, o Juventude conseguiu fazer o mínimo para estar entre as oito principais equipes do Gaúchão.

Pela frente, justamente o seu maior rival, Caxias, exigindo que o Juventude consiga mostrar melhorias para não ficar pelo caminho. O Juventude apresentou dificuldades nas duas extremidades ao longo da fase classificatória, mas acredita que o triunfo sobre o São José em sua última partida, aliado a força de camisa e dominância que tem tido em seu lar, deem a confiança para o Juve conseguir ir além da média que estava a demonstrar, buscando abrir vantagem neste clássico.

O técnico Gilmar Dal Pozzo tem apenas dúvidas sobre a participação de Vidal devido a uma pequena contusão.

Forma Caxias

Se o rival não foi brilhante, o Caxias pode ficar satisfeito com o que realizou, tendo confiança para conseguir deixar de lado o equilíbrio natural do clássico para se comprovar melhor que seu rival e ir adiante na competição. Com apenas uma derrota nas últimas seis partidas e invencibilidade de quatro jogos, confiança é o que não falta para o Caxias!

Seu equilíbrio tático, a confiança elevada pelo que conseguiu produzir ao longo da campanha e nos últimos jogos, a segurança em seu sistema defensivo e principalmente, o fato de ter se mantido capaz independente do terreno a se disputar os duelos – não foi derrotado em nenhuma das últimas cinco partidas como visitante -, fazem o Caxias acreditar por demais em ter o suficiente para, mesmo longe de seu lar, conseguir um resultado expressivo neste clássico, vendo a classificação mais próxima.

O técnico Luis Carlos Winck não contará com Gilmar, suspenso.

Nossa Dica

Olha, é clássico, né? O Juventude tem tido mais sucesso em suas buscas nos últimos tempos, tendo subido para a segunda divisão nacional, sendo finalista desta competição no último ano, mas a se julgar por esta temporada, ao que parece, o Caxias está alguns degraus acima pela campanha muito mais consistente que realizou. Porém, pela incapacidade de ser ofensivo do Juve, pela segurança em sua retaguarda por parte do Caxias, vejo mais chances de termos uma partida com poucos gols, do que cravar um vencedor para este duelo.